Dia da Ação de Graças

Apesar de todas as agruras devemos crer na força da prece, que difunde seus raios ao nosso interior, ressuscitando-nos no Amor e na Alegria. Pela vida, por todas as dádivas recebidas, pelos refrigérios e superações das dificuldades, agradecermos sempre!

Canção da prece

A dúlcida canção da prece,
sublima a dança interior…
– a delicada harpa tange,
melodiando um louvor.

Da pura e divinal fonte,
brota o brilho do Amor,
espelhando a bondade,
que emana do Criador.

© Daura Brasil

***

Ação de graças do poeta

Graças a vós, Senhor, pela ventura
De poder isolar-me na poesia,
Ter nela o alívio à provação mais dura,
E no sonho o meu pão de cada dia.

Sentir albor de lua na noite escura,
Achar descanso e paz na nostalgia
E ver, até no pranto da amargura,
Um consolo vizinho da alegria.

Graças a vós por este dom divino
Que me defende do destino adverso
Tornando-me senhor do meu destino.

E se em mim próprio surge o mal perverso,
Puro, alegre, feliz e o mal domino
E alo-me ao céu nas asas do meu verso.

Bastos Tigre

Anúncios

Sobre daurabrasil

Experimento a quietude e adentro meu sítio íntimo. Amplio a sensibilidade... E, com liberdade, encontro-me com a Poesia. Situo ainda algumas questões e o que elas implicam... Sem anular o pensamento, ouso revelá-las, refletindo o sentir e o consentir. (Daura Brasil) * * *
Esse post foi publicado em Ação de graças do poeta, Dia da Ação de Graças, Espiritualidade, Poesia e marcado , , , . Guardar link permanente.